Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

RUSTICIDADES

RUSTICIDADES

12
Mai15

Guia das rotas recicláveis de Portugal

mau_feitio

 Já existe em Portugal um guia turístico em formato digital e em inglês, que promove o turismo em bicicleta e dá a conhecer 870 quilómetros de percursos cicláveis ao longo da costa atlântica portuguesa.

 

A Ecovias Portugal é um road book que permite aceder a 17 mapas e disponibiliza informação sobre as rotas cicláveis de longa distância, todas georreferenciadas em GPS, pontos de interesse turístico, histórico, arquitectónico e paisagístico, entre os quais se encontram o Parque Natural de Sintra-Cascais, o Cabo da Roca ou a Praia do Guincho, por exemplo. Possibilita ainda a consulta do perfil de cada percurso e estarão identificados os locais onde existe maior incidência de acidentes rodoviários.

 

Para encontrar informações sobre o guia, consultar a página das Ecovias.

03
Mai15

Quer fazer compras saudáveis?

mau_feitio

Basta comer uma maçã antes de ir ao supermercado.

Se não consegue resistir ao corredor dos chocolates? Basta comer uma maçã antes de ir ao supermercado. 

Segundo três estudos divulgados na revista Visão, as pessoas que comem uma maçã antes de irem ao supermercado, compram mais frutas e legumes. 

No primeiro, 120 clientes receberam aleatoriamente um pedaço de maçã, de bolacha e outros nada, quando chegaram ao supermercado. Comprova-se: aqueles que receberam o pedaço de maçã compraram mais 28 por cento de frutas e legumes, comparativamente com os que comeram o pedaço de bolacha. E 25 por cento em relação aos que não receberam nenhum tipo de snack.   

"Isto ensina-nos que comer algo equilibrado antes de irmos fazer compras pode ajudar-nos a adquirir hábitos de alimentação mais saudáveis", disse o doutor Aner Tal, da Universidade de Cornell, que realizou a pesquisa com seu colega Dr. Brian Wansink ao jornal inglês Daily Mail. 

No caso do segundo e terceiro estudo, os participantes faziam compras virtualmente. 

No segundo teste foi dado novamente, a 56 participantes, um pedaço bolacha ou maçã, e foi-lhes pedido que imaginassem que estavam a fazer compras. De seguida, tiveram de escolher entre 20 pares de produtos, aqueles que iriam comprar - cada par continha um item mais saudável e outro bastante calórico. Mais uma vez, os que comeram maçã optaram por alimentos mais saudáveis e os que comeram a bolacha, por alimentos calóricos. 

Já no terceiro estudo, os investigadores queriam compreender se qualificar um produto como "saudável" influenciava, ou não, o comportamento dos consumidores. Dividiram 59 voluntários em três grupos: um recebeu leite com o rótulo 'leite com chocolate saudável', outro recebeu o mesmo leite mas com o rótulo 'leite rico em chocolate' e o último grupo não recebeu nada. Foram convidados, novamente, a selecionar alimentos de um supermercado virtual, que apresentava uma variedade de alimentos saudáveis e outros de grande teor calórico.

As pessoas que receberam o leite rotulado de 'saudável' selecionaram alimentos mais saudáveis, dentro da loja. Isto sugere que o que influencia o comportamento dos consumidores não advém somente do facto de comerem uma peça de fruta ou doces, mas sim se eles conseguem perceber o que é ou não saudável. 

"As mercearias, por exemplo, deveriam motivar os clientes oferecendo amostras de fruta e legumes, levando-os a entrar e consumir", conclui o comunicado de imprensa dos investigadores. 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D